Torino entrou no nosso roteiro por questão de praticidade. Estávamos em La Spezia, nossa base pra conhecer as Cinque Terre, e voltar de la pra Clermont-Ferrand ia ser complicado. Se fosse pra Milão, teria que pegar um aviao até Paris ou Lyon e em seguida um ônibus ou trem. Foi ai que pensei “Por que nao pegar um onibus em Turim e chegar direto em Clermont-Ferrand?”. Ainda por cima a estação de ônibus fica bem pertinho da nossa casa. Muito mais vantajoso pegar um só ônibus e chegar direto em casa depois de umas 7h de viagem. Fora que até o valor era mais interessante.

Então lá vamos nós. O trem saía de La Spezia, ia até Gênova e la pegaríamos um outro trem. Chegando em Gênova, não encontrávamos nosso trem no painel, mas ok, podia ser um erro e ficamos lá esperando. Mas o trem nunca chegou porque na verdade o bilhete tinha sido comprado pra julho e nos estávamos em agosto!!! hahahaha Ainda bem que na Itália os bilhetes de trem são baratinhos e pagamos uns 12 euros por pessoa por um novo bilhete. Se fosse na França…

Em Turim nao fizemos muitas coisas. Visitamos a Piazza Castello e os seus arredores, o Parco del Valentino e o bairro medieval que tem lá dentro. Também fomos até a Santa Maria del Monte dei Cappucini pra ter a vista da cidade com as montanhas dos alpes ao fundo.

Anúncios